19 outubro 2008

Coisas de donos corujas e cães amados


Sempre achei lindo os Cães da raça Cocker Spainel e Poodle, são minhas paixões.
Fazem 3 meses que adotamos ( a idéia foi minha e de Alberto meu esposo, diante de uma oportunidade que surgiu, consultamos os filhuscos
e a filhusca e todos concordaram), uma cadelinha poodle, que a batizamos de Layla. Quando fomos pegá-la, descobrimos que não era um poodle legítimo, mas nos apaixonamos por essa carinha de bb chorão e não conseguimos voltar atrás. Layla é linda, meiga e ao mesmo tempo brava com quem não conhece. Logo se adaptou conosco, e até parece que sempre foi nossa, desde filhote. Tornou-se a nossa paixão.



Cara de desentendida e pose de frango assado hehehe...



Olhar terno e pidão



Pose de bichinho de pelúcia


Encontrei no orkut essa matéria sobre Cocker e achei super interessante, pois tudo que diz a respeito do temperamento e dos habitos, se encaixam com Layla. De repente fiquei achando que ela era raciada com cocker, já que não é raça pura. Se eu e Alberto tivermos em casa, ela fica mais na cola dele, pois não paro, sempre estou andando, fazendo alguma coisa, mas se Alberto não estiver em casa, ela fica no meu pé. se vou ao banheiro, qnd. saio tá ela lá me aguardando... agora mesmo, tá aqui embaixo da minha cadeira hehehe...Quando não estamos nem eu nem Alberto, ela elege um lugar da casa pra deitar e fica lá até um dos dois ou os dois chegarem. Com uma devoção dessas, não tem quem não se apegue.


Leiam a matéria:


Por que amamos o Cocker?

- Porque não há no mundo um olhar tão terno e profundo.

- Porque é quem mais aprecia nossa companhia (tanto que fica nos esperando até à porta do banheiro!). Com certeza você já levantou do sofá de fininho para que ele não precisasse acordar e te seguir, mas mesmo assim ele acordou e te seguiu.

- Porque, se ficamos algumas horas distante dele, sentimos falta daquele “vulto” constante ao nosso lado.

- Porque o sonho dele é se tornar bípede, só pra poder nos alcançar para lamber e cheirar nossas orelhas.

- Porque quando consegue a façanha de deitar e ficar quietinho ao nosso lado, ele encosta-se a nós e nos contagia com aquela paz.

- Porque não existe cão mais devoto que ele. Existem cães leais e fiéis, mas devoto ao dono como o Cocker, ainda estamos pra ver!

- Porque nenhum cão deita em “posição de frango desossado” de forma tão charmosa, e com tanta rapidez.

- Porque é muitíssimo engraçado vê-lo deitado e com aquele falso olhar de desinteresse, mas ser denunciado pelo toquinho de rabo, que mexe freneticamente!

- Porque ficamos com pena quando temos que mandar fazer tosa geral e quando os vemos totalmente tosados, achamos que estão magros, parecendo lingüiças!

- Porque aqueles orelhões são ótimos de serem puxados, e colaboram para aquele olhar de “pobre-coitado” que todos eles têm.

- Porque achamos lindas aquelas bochechas gordas e pensas.

- Porque é lindo vê-lo inclinar pro lado quando não entendem algo.

- Porque nos revoltamos quando ouvimos alguém falar horrores dessa raça.

- Finalmente, PORQUE NÃO HÁ PRAZER MAIOR QUE PODER DIZER: “Eu amo meu Cocker Spaniel, e também sou amado (a) por ele!”.

Autor: Desconhecido

3 comentários:

Luciana Moretto disse...

Olá Rosa!! Tb. amo estes peludos e o seu bebê é lindo demais!! Mil Beijos!!!

Raíssa disse...

Nossa tia..
temos mais um integrante na familia..
;)
Que bom..
ela é liiinda...
Rah quando tiver por aí..vai brincar mt com a baby!
;*

angela disse...

Oi linda! É verdade...
Qnd. tu vem?
Bjs!

Postar um comentário

Vamos trocar idéias? Deixem suas sugestões, idéias, criticas construtivas, enfim, escrevam que eu vou gostar muito de interagir com vocês.