22 janeiro 2006

"Tudo posso em Jesus, que me fortalece".


Dias atrás, aconteceu-me uma coincidência (ou providência) que achei interessante relatar, de repente bate com o pensamento de alguém. Pois bem; elaborei um modelo de cartão de visitas pra leva pra uma feira que fui, no mês de novembro passado, e coloquei o seguinte: Rosaanja Creações. Achei, mesmo sem saber porque, o nome creações bonitinho, dava um som de crer e eu gostei. Alberto (meu esposo), quando viu, gostou também e comentou que já tinha lido ( o tanto que ele gosta de ler, não tá no gibi) em algum livro que o nome CREAÇÃO, tava relacionado com as coisas Divinas, dai, tudo bem. Quando mandei fazer os cartões o homem da gráfica ligou, perguntando se eu não tinha errado na escrita, se era assim mesmo. Pra resumir, terminei mudando o nome pra "criações mesmo, de tanto as pessoas acharem que estava escrito errado. Frustação total, fui tão mal compreendida quanto o Pequeno Príncipe quando desenhou uma jibóia digerindo um elefante e todos acharam que era um chapéu.

Agora vem a coincidência (ou providência?). Estava eu aqui na biblioteca (desculpem se pareceu soberba, mas é que pela quantidade de livros, precisava de um cantinho para colocá-los) procurando um livro pra ler, pois aderi a divulgação de um livro às quartas, sugerido pela Maria Flor, e achei o tal livro que falava da palavra creação, o nome do livro é AGOSTINHO de Huberto Rohden, ele relata a história de Santo Agostinho, e no início do livro, ele faz a seguinte advertência:
"A substituição da palavra latina crear pelo neologismo moderno criar
é aceitável, em nível de cultura primária, porque favorece a alfabetização e dispensa esforço mental - mas não é aceitavel em nível de cultura superior, porque deturpa o pensamento. Crear é a manifestação da Essência em forma de existência - Criar é a transição de uma existência para outra existência.
O Poder infinito é creador do Universo - um fazendeiro é criador de gado.
Há entre os homens gênios creadores, embora não sejam talves criadores.
A conhecida lei de Lavoisier diz que "na natureza nada se crea e nada se aniquila, tudo se transforma", se grafarmos "nada se crea", esta lei está certa mas se escrevermos "nada se cria", ela resulta totalmente falsa.
Por isto, preferimos a verdade e clareza do pensamento a quaisquer convenções acadêmicas".
Assim fiquei feliz em ter encontrado o livro com esse esclarecimento; talvez tenha pessoas que contestem. Embora ache que o dom que cada pessoa tem pra determinas coisas, seja uma creação Divina, está na essência de cada um; preferi dizer que as bolsas são criações mesmo, pra evitar tantas explicações.

9 comentários:

Alba disse...

Eita menina... eu deixaria "creações" mesmo sabe... é algo feita das suas mãos, através de sua inspiração...
Da mesma forma o homem e a mulher foram creados...
Beijão ALba

Alba disse...

ô Rô, vou te contar pq... Eu faço ginástica, remo, esteira e abdominal... então tenho massa muscular e não sei exatamente meu peso real devido a essa massa muscular e a densidade óssea.
O problema é que sou um cavalo, uma égua melhor dizendo...
Remédio nenhum me faz efeito, já tomei dualids, fenproporex, já duplicamos a dose e cai na mesma... ele tira o meu apetite até o garfo chegar na boca... aí então... danou-se... entende?
Eu como demais, adoro comer, enquanto assava o pão de queijo, vinagrete, cortei batatas para a maionesi e cozinhei, temperei as carnes e fiz mais um monte de bolinhas de pão de queijo para congelar cruas... Qdo quiser é só colocar no forno... E tudo aguando de vontade... acredita??? rsrsrs
Até Efedra, a temível Efedra não me faz efeito... é um sufoco viu!
Vc não faz caminhada? Em 15 dias vc perde esses 3 kg caminhando 3 vezes por semana, 40 minutos... sabia???
Beijão

Alba

Alba disse...

Bem...acabei de almoçar e ou dormir... rsrsrs Postei minha receita de pão de queijo... durante o dia posto várias receitas lá...
Beijão

Alba

maria flor disse...

Gostei muito do post, mas eu teria deixado ficar "Creações", achei a explicação tão bonita.
Obrigada por mencionar meu blog, mas a sugestão não partiu de mim, eu apenas aveitei o desafio que vi em outro blog. A propósito- Um Livro à Quarta esá a fazer sucesso em Portugal. Eu que gosto tanto de ler, estou a descobrir livros, dos quais nunca tinha ouvido falar.
Beijinhos

Sasandra disse...

Que história engraçada! Obrigada pela partilha... Beijinhos e boas CReações ;)

Célia disse...

Muito legal a sua estória, ou história. "Eita lingua portuguesa!"
Achei muito interessante a "creação".
Se não fosse por ter que explicar cada vez que achasssem que tinha sido escrito errado, poderia até ficar, mas ia te dar muito trabalho.
Beijos e veja novos gifs no meu blog, todos com fundos tranparentes. Prontos para ser esparramados pela NET. Para anunciar a Palavra de Deus através deles.
Você poderia deixar a sua marquinha pra eu saber que vc foi lá?
Beijinhos...sua irmã,
célia

Alba disse...

Bom diaaaaaaaaaaa... ô menina que tem rodinha nos pés viu... tá onde agora? Em Marte??? rsrsrs
Olha, postei um texto sobre um garanhão que conheci no mundo virtual e real... vá rir um pouco...
também coloquei a receita de um bolo de chocolate no microondas... demais... sbae né a foto faz a gente lamber os beiços... rsrss
Beijão

Alba

Olha eu tenho um outro flog, é um flog de palhaçada onde nós amigos mexemos uns com os outros em tempo integral... o dia todo mandando recado... rsrsrs vá lá participar poiw é minha amiga e consequentemente amiga dos meus amigos...
beijão

Alba
o blog da farra é

www.fotolog.terra.com.br/albav

mixtu disse...

... para evitar tantas explicações...
é isso, gostei
saludos

Alba disse...

Boa tardeeeeeeeeeeee...
Que bom que tenho notícias suas viu... estav já pensando em ligar para a Nasa para saber em qual planeta o maridão tinha levado vc... rsrsrs
VÊ se volta logo mulher vai deixar-nos com saudades...
Beijão

Alba

Nem adianta te falar que acabei de postar um purê de batatas ao forno ne´... rsrsrsr

Postar um comentário

Vamos trocar idéias? Deixem suas sugestões, idéias, criticas construtivas, enfim, escrevam que eu vou gostar muito de interagir com vocês.